Início / Noticias / Vila Romana de Freiria: classificação foi há 30 anos

Vila Romana de Freiria: classificação foi há 30 anos

17 Jul 2020
Celebramos hoje, 17 de julho, o 30.º aniversário da classificação do sítio arqueológico Vila Romana de Freiria como imóvel de interesse público.

Foram três décadas de muito trabalho e alguns revezes, mas que permitiram a abertura, em 2018, do Parque interpretativo que, após o confinamento, voltará a abrir portas à visitação do público a partir do próximo sábado.

Para ficar a par das várias dimensões deste importante local aproveite para consultar as Atas do Congresso Internacional do Turismo e Património Cultural "Villae romanas: Desafios para a investigação e Inovação". Organizada em 2018, por ocasião da abertura ao público da Villa Romana de Freiria, após profunda requalificação e criação de passadiços para permitir a visita ao espaço num percurso em que se explica a história como se estivéssemos dentro da villa, esta edição foi coordenada pelo Prof. Doutor José d'Encarnação e encontra-se disponível na Biblioteca Digital de Cascais.

A obra apresenta 14 importantes testemunhos de peritos nacionais e estrangeiros que nos dão conta da importância do turismo cultural para o estudo, salvaguarda e divulgação das villae romanas, nomeadamente pelo recurso às novas tecnologias. Pela sua localização em área rural e características ímpares, estes sítios arqueológicos constituem um campo privilegiado para o desenvolvimento das novas tendências turísticas, constituindo, assim, um desafio singular, cujos modelos de exploração e rendibilização económica abrem novas perspetivas de sustentabilidade.

Se não for possível a visita presencial, pode ainda tirar partido da visita guiada em vídeo proporcionada por Severino Rodrigues, arqueólogo municipal. Siga o link.

Conteúdos Associados

+ Sobre cascais

Cascais